O mundo maravilhoso dos contos de fadas... oh, wait!


- Posso escolher a história???
- Pode.
- Hum... essa não... essa não... essa não... essa! Do soldadinho de chumbo.
- Vamos lá.

Bla bla bla: o soldadinho de chumbo se engraçou pela bailarina e causou ciúmes no boneco saltitante. O enciumado boneco saltitante atirou o soldadinho pela janela. Que caiu não sei onde e foi parar no esgoto, no mar, na barriga do peixe, pescado, mercado, pia da cozinha da mesma casa. O soldadinho de chumbo planejou sua vingança, escondeu-se e, zás, empurrou o boneco saltitante na lareira. O boneco saltitante morreu queimado e o soldadinho e a bailarina, depois de lamentarem um pouco o terrível acidente, viveram felizes.

Gente. /o\

Meus filhos aprendendo desde cedo que nem tudo que se lê... né? 

Achei útil. 


4 comentários:

Lud disse...

Rita,

acho que na história original é o soldadinho cai (ou é empurrado) na lareira. A bailarina se joga atrás dele. Os dois derretem e viram uma forma só: um coração de chumbo.
Também é meio assustador, né?

Consta que os contos de fadas servem mesmo para apresentar às crianças as emoções ruins, como raiva, medo, inveja (o que provavelmente você já está cansada de saber). Mas essa do "herói" jogar o outro na lareira... foi osso.

Beijos!

Caminhante disse...

Eu tinha pavor da história do soldadinho de chumbo (minha versão era igual que a Lud citou). Caía no choro quando ouvia, minha mãe era proibida de virar as últimas páginas e tinha que me contar um final diferente.

Daniela disse...

E aquela história de abandonar as crianças no meio da floresta porque não tinham o que comer?

Tenho uma versão da Cinderela que o pai dela não morre e deixa a madrasta tratá-la daquele jeito.

Parecem mais contos de horror, e não de fadas!

Deh disse...

Os contos originais do Andersen são terríííveis!! :D

 
©A Estrada Anil - Todos os direitos reservados. Layout por { float: left; }