Como gelatina


Amanda, minha filha de cinco anos, escreve cartinhas para mim e me entrega saltitante, com um sorriso todo animado e os olhinhos cintilantes. Eu me derreto. Aí escrevo bilhetinhos de amor e escondo na lancheira. Qualquer dia vou pedir para a professora filmar a carinha dela quando chega a hora do lanche, ah, vou.

Não sei quanto a vocês, mas eu sou "gostosa como gelatina".

Adoro o desenho de nós duas no cantinho.

Todo mundo ganhou cartinha hoje. Segundo ela, o pai é fofo como um travesseiro e legal como um aniversário, e o mano é  doce como uma balinha e legal como um brinquedo. Vou guardar essas cartinhas para sempre na mesma caixa onde guardo as cartas que durante anos troquei com minha mãe. Porque sim.  

12 comentários:

Anônimo disse...

Que coisa mais fofa Amandinha!!! Linda como uma flor, doce como um brigadeiro, essa é você.
Beijos,
Tia Ju

Daniela disse...

E esse post me arrancou um sorriso do tamanho do mundo. :-)

Tb adoro gelatina!

Jaquee Ribeiro disse...

ÓIN! #Ritafeelings <3 Blog tão doce quanto doce de leite. (:

Felipe Fagundes disse...

Primeira vez que comento aqui. Conheci o blog há pouco tempo e adoro os textos e tudo isso de escrever coisas GENIAIS sobre acontecimentos simples.

TIVE que comentar porque dizer que alguém é legal como um aniversário é uma comparação PERFEITA :D

Ana Claudia disse...

E a filha segue os passos da mãe... :)

Silvia disse...

Tão linda e amorosa a sua filhota!
Beijinhos Rita

Juliana disse...

as melhores comparações do mundo.
qnt lindeza.

Anônimo disse...

A tua filha é uma fofura como algodão doce. Guarde tudo mesmo, essas lembranças são preciosas.
So

simone disse...

Bom dia, Rita, guarde sim, as cartinhas e o carinho da tua filha, um dia você vai chegar aonde estou, com uma paz imensa no coração.

Minha filha caçula é Amanda também, este é o primeiro ano dela como 'passarinho que voou do ninho'.

Linda menina de 18 anos que me enviou SMS ontem à noite, 'ouvi a música da novela e lembrei de você, 'my beautiful mother.'

Abraço de Luz e Paz do interior de SP para todos vocês.

Anônimo disse...

Lindo Rita!
Lindo tb Simone!!

Isadora Cysne

Patricia Scarpin disse...

Lendo e sorrindo, lendo e sorrindo.

Achei essa cartinha gostosa como um abraço apertado de quem se ama.

Jô Bibas disse...

Rita, agradeço o comentário no ArteAmiga, principalmente por me dar a oportunidade de conhecer teu blog. Simplesmente delicioso, começando pelas definições do pai, mãe e irmão feitas por tua filha nesse post. Adorei. Quando tiver vontade, dá uma olhada num post que chamei de Quem guarda, tem. Combina com a necessidade de realmente guardar momentos como esses.

 
©A Estrada Anil - Todos os direitos reservados. Layout por { float: left; }