Lilás


Queria um versinho lilás.
De uma cor que pinta o céu
quando, logo após a chuva,
o sol reaparece
no morro lá de trás.

Queria um riso de menininha.
De um tipo que você faz,
em sua boca pequena,
com aquele barulho 
de risada dobradinha.

Então fiz creme de amora,
sem saber se você gostava.
Usei frutas fofinhas 
e encontrei versinho e riso
na cor que você adora. 


***

Tá, o versinho não é nenhum Cecilia Meireles, mas o creme é bem bom. Vi a receita aqui e mudei umas coisinhas. Não sei se é tempo de amoras, mas as que vi no mercado ontem estavam gritando de tão lindas. 

Ingredientes

Para a calda:

300 g de amoras (usei 200g, mas 100g a mais me parece o ideal)
1/2 xícara de água
3 colheres de sopa de açúcar cristal

Para o creme:

2 xícaras de leite
2 colheres de sopa de farinha de trigo
4 colheres de sopa de açúcar cristal
300g de creme de leite (a receita fala em creme de leite fresco, mas usei o comum e tudo deu certo)

Modo de preparar

Comece pela calda. Reserve 4 ou 5 frutinhas para decorar. Coloque as outras amoras em uma travessa refratária. Acrescente o açúcar e a água e leve ao forno por 30 minutos, a uma temperatura de 160ºC. As amoras vão amolecer bem, mas não vão se desmanchar. Dei uma leve amassadinha com um garfo para "bagunçá-las" um pouco mais.

Faça o creme. Dissolva duas colheres de farinha de trigo em meia xícara leite. Acrescente o restante do leite, o açúcar e o creme de leite e leve ao fogo brando até que a consistência do creme permita que você veja o fundo da panela, ou quase isso. Acrescente a calda e continue mexendo até obter coloração homogênea e a mesma consistência que o creme tinha no momento em que você acrescentou a calda. Despeje na travessa que pretende usar para servir e deixe esfriar completamente. Decore com amoras inteiras e leve à geladeira. Tem sabor leve e foi muito elogiado. E, de quebra, a cor é linda. :-)



1 comentários:

Cecilia disse...

Que delícia! Só faltou a carinha de uma cerca menininha se deliciando com essa sobremesa tão linda. Eu também adoro lilás!

 
©A Estrada Anil - Todos os direitos reservados. Layout por { float: left; }