A incrível transgressão de não ver a novela


A última novela que vi se chamava América, de Gloria Perez. Nem era muito boa, mas eu acompanhei mesmo assim, do começo ao fim. Morria de rir da Debora Secco eternamente segurando um bibelô e dizendo que queria ir para os Estados Unidos, achava aquilo meio patético (não o querer ir para os EUA, mas viver segurando um bibelô). Essa foi a última das muitas novelas que vi (acho que minha favorita continua sendo Vale Tudo, um grande sucesso que muita gente viu - mas se você não viu, ou viu e não gostou, tudo bem, acredito que ninguém julgou você por isso). Vi muitas outras na companhia de minha mãe, noveleira que só ela. De uns tempos pra cá, enjoei, fiquei sem saco e com menos tempo.

Então. Há uma coisa engraçada nas redes sociais: o papo de que todo mundo precisa gostar de Avenida Brasil. Assim: precisa. Porque se você não gosta... não, não existe essa possibilidade. Existem as pessoas que fingem que não gostam, sabe? Que fazem pose de intelectual porque, né, novela é popular e aí pode não pegar bem e tal. Ah, gente, na boa? Menos, por favor. Que sono. Você assiste e gosta? Ótimo, bom pra você, divirta-se. 

É assim: não estou nem aí pra novela das oito, ou das nove, sei lá. E é só isso, sem viagens na maionese. Não classifico pessoas entre "as que assistem novelas" e "as que não assistem" porque o mundo é um tiquinho mais variado que isso. E tô sabendo que Avenida Brasil vai acabar essa semana. Ainda bem, assim vou poder não dar a mínima pra ela sem ser taxada de esnobe. Porque, olha, é muita regra, Brasil.

11 comentários:

Angela disse...

E por falar em regras, novela na casa aonde cresci era extritamente proibida. Tive muita raiva na epoca, mas hoje sou extremamente grata e penso aonde teria arranjado tempo para brincar tanto, estudar tanto, sonhar tanto, tocar tanto piano, ouvir tanta musica, ler tantos classicos e nao classicos? Ai quando Julia nasceu e tava sem trabalhar assisti uma novela Caminho das Indias e gostei pra valer (quando Max nasceu assisti Star Trek ihih). Mas deu, hoje em dia nao ha tempo nem para ler folheto nem assistir o noticiario compresso. Entao de intelectual nao posso ser taxada. O que sou eu?? ;)

Angela disse...

es-tri-ta-men-te. alguma coisa nao estava parecendo certa.

Cristiane Rangel disse...

Rita, é isso mesmo! Assino embaixo como bem disse a Verônica. Eu ñ vejo novela, nenhuma, há anos. No verão, casa de praia ñ tem TV a cabo, um capítulo ou outro. Já nem vejo tv aberta, novela menos ainda. E sou tida como esnobe, pessoas discutem coisas que eu desconheço, e me cansa a obrigatoriedade de 'ter que ver'. Ñ, ñ tenho que. Ñ gosto, ñ é pra mim. E ñ gosto só do que ouço falar da novela em questão, Avenida Brasil, ñ gosto de novela em si. A última que vi foi O Cravo e a Rosa. hehehe. Faz tempo! Parabens por dizer tão bem o que eu tb penso!

Tina Lopes disse...

Eu gostava de novela, nao tenho nada contra, mas nao eh o meu formato ideal de programa. Depois que tive acesso as series, me acostumei com um episódio por semana e acho perfeito. E olha que parei de ver serie quando Lost acabou... Simplesmente nao me interesso. Ah, e também nao deixo que a Nina veja, de preferencia, nem as novelas das seis ou sete horas. Eh muita sugestão de violência, sexo, traição, enfim. bob Esponja eh muito melhor pra idade dela.

Luciana Nepomuceno disse...

Meu pai não deixava a gente ver novela até 14 anos. era proibido (assim como filme com censura, etc). Daí pra frente, liberado, mas não peguei o gosto. Claro que vejo episódios, não estou fora do mundo. E vejo capas de revista, sei os enredos sem precisar assistir. Gosto mais de série, pelo tamanho, pelo princípio de começo/meio/fim e coisitas assim. Mas o comentário (e o post) não é sobre isso, só quis mesmo me exibir, rs.

Eu gosto de muita coisa na net. Muita mesmo. Uma das principais é me trazer gente linda que nem você. Mas tem o lance de exacerbar afinidades e mais ou menos homogeneizar comportamentos num grupo que me incomoda enormemente. Porque qualquer diferença soa ofensiva, ameaçadora e se reage agressivamente, quase sempre. Freud chamava fenômenos assim de narcisismo das pequenas diferenças. Então, não vejo e não me acho melhor por não ver. Tem gente que julga que ver seriados é ser subserviente aos EUA, por exemplo. Cada qual no seu cada qual, né?

Juliana disse...

assim como a tina, eu até gostava, mas agora cansei. não tenho saco pra acompanhar,ficar tanto tempo na frente da tevê, mas sempre sei o que tá acontecendo porque o povo de casa e os amigos veem. Vejo um capítulo e outro quando vou na casa de alguém que gosta muito e acho legal.Gosto bem mais de ler os comentários das pessoas no twitter do que das novelas em si.

Acho avenida Brasil legal e tal, mas assisti bem mais Gabriela, mas ainda assim não dei a ela a fidelidade exigida. hihihi

a gente já tem rótulos demais nessa vida . pra que mais um ,né?

q

Daniela disse...

Já gostei de novela, mas comecei a me irritar com a quantidade de preconceitos, regras, padrões de comportamento que eu abomino elas ficam lá martelando cada dia. Assisto um monte de seriados, bem escolhidos, porque acho que eles (os que assisto pelo menos) são mais transgressores, propõem mais temas para a reflexão. Eu sei o enredo todo de Avenida Brasil sem nunca ter visto um capítulo. O povo narra né? Em tempo real. Tô doida que acabe logo pq não aguento mais ouvir falar da Carminha...rs

Anônimo disse...

POis somos todos/as ETs... não vi e não tenho interesse em saber, mas já fui patrulhada por isso, pode?
beijo, clara

Murilo S Romeiro disse...

Foi, foi, foi...
ufa!!

anna v. disse...

Ah, que alívio! Eu também não assisti nenhum capítulo desta novela, que todo mundo dizia que era tão boa. A última que vi foi "Celebridades", era ótima, com a Claudia Abreu odiando a Malu Mader. De uns tempos pra cá cansei, e agora minha TV não pega sinal aberto nem cabo (é só tocador de DVD mesmo), então não dá nem para sucumbir à curiosidade. Acompanhei pelos relatos alheios, e acho que está de bom tamanho!

Rosa Pinho disse...

Menina fofinha (by Amanda), adorei seu blog! Coisa mais linda! Vou ler devagarinho!!!!

By the way, sou da metade que não assite novela... rsrsrs

Beijocas!!!!

 
©A Estrada Anil - Todos os direitos reservados. Layout por { float: left; }