Winter


Disseram que tá bem frio hoje. Esquecida do mundo em minha cozinha, não sei do termômetro. Sei do cheirinho da canela na hora em que liguei o fogo para esquentar as maçãs picadinhas; e da massa densa que achei que não fosse funcionar, mas que resultou em uma cuca* da melhor qualidade. A palavra "barrinha" me fez pensar em "crocante", mas não foi bem o que veio; mesmo assim, fechei os olhos e me entreguei (tudo bem, a farofinha é um pouco crocante; estou implicante assim por causa das barrinhas indefectíveis, não reparem).  


Sei também que adoro a vida longa, que nos permite experimentar coisas que, um dia, julgamos inviáveis ou impossíveis. É bom seguir em frente e botar o dedo onde não nos julgávamos capazes de chegar. É muito bom.

Mas eu estava falando da cozinha. Hoje botei o dedo no recheio trufado de maracujá e fiz um bolo cheio de ideias. O bolo, na verdade, é um pão de ló com cacau; depois de pronto, penso que prefiro o pão de ló que vi em um livro bem útil que tenho aqui em casa: é mais leve e macio. Mas isso é um detalhe, o que importa é o conjunto da obra: o recheio supercremoso com o sabor azedinho do maracujá que invade nossa boca e se mistura ao ganache, ooohhhhhhh. Como se não bastasse ser gostoso, o bolo é lindo, lindo.



Agora, depois do banho e longe da cozinha, sinto mesmo um friozinho. Acredito até que, à medida que a noite avançar, vou precisar visitar a cozinha. Só por garantia.


_________

*A palavra "cuca" era desconhecida para mim, até vir morar em Florianópolis. Aqui conheci os bolos recheados com fruta e cobertos com farofinha. Amor à primeira mordida.

Barrinhas de maçã e bolo de chocolate com recheio trufado de maracujá: tudo do blog da Patrícia, mas aposto que vocês já sabiam.


9 comentários:

Juliana disse...

tb não sabia o q é cuca.

olha, vc não faz comidinhas salgadas,não? até fico louca com essas fotos, mas não como nada dessas doçuras todas. fotos de comidas salgadas, please.hehehe

seus bolos são lindos. =)

Angela disse...

Ai esse bolo de chocolate com maracuja... se nao fosse quase meia noite ia la no banco pegar um emprestimo para comprar os maracujas e o faria, igualzinho. Vou dormir quem sabe sonho com seu gosto.

Ficou lindo!

satya disse...

Cucas são minha maior paixão no assunto "bolo". Aqui em Minas são bem conhecidas.

Patricia Scarpin disse...

Como sou filha de mãe catarinense, cucas fizeram parte da minha infância. Diversas vezes levei cuca na lancheira, feliz da vida. :D
E esse bolo, hein, D. Rita? Tá virando confeiteira, moça? Que bom que vocês gostaram (eu o fiz prum aniversário do Joãozito).
xx

Luciana Nepomuceno disse...

Quando leio cuca já começo a cantarolar: cuidado com a cuca que a cuca te pega, te pega daqui, te pega de lá...eu sei, não tem relação com o post, mas a culpa é sua que me fez correr atrás do disco. Bjs

Lílian disse...

Só por que eu comecei DE NOVO aquele regime? Isso aí só de olhar engorda...rs...

Beijo, flor!
Li.

Rita disse...

Oi, meninas.

Olha, preciso ser sincera: acho que esse é o bolo mais calórico que já fiz na vida. Vocês leram a receita? Ao todo, são 4 barras de chocolate e 3 caixinhas de creme de leite.... gente, só dá pra fazer uma vez por década e olhe lá. Dona Patrícia Scarpin, que bolo é esse?? Lindo, né? Fique TÃO feliz quando vi montado, nem acreditei que tinha feito aquilo. Pena que não faço fotos magníficas como as suas.Degustamos com parcimônia, para não explodir! Delicioso, sem dúvida; lindo também. Mas um abuso de calórico. /o\

Agora para tudo: o saborzinho do maracujá no recheio.... oooooooooohhhhhhhhhhhhh my GOD!!! DELICIOSO!!!!

:-)

Beijocas
Rita

Caso me esqueçam disse...

minha gente... sem palavras. eu ja vim tres vezes aqui soh pra ver as fotos desse post! ja que nao posso comer, neh...

(ontem provei mais uma calça que nao cabe mais em mim).

*suspiro.

Rita disse...

Luci,

esse engorda, viu. Com força. Tô falando.

Beijo
Rita

 
©A Estrada Anil - Todos os direitos reservados. Layout por { float: left; }