Pequenos Pinóquios


Meu filho de cinco-quase-seis anos passou o dia contando pequenas mentiras e encerrando as falsas anedotas com a célebre e imortalizada frase "primeiro de abri-il!". Tentei dar uns toques, explicando que se ele contasse quinze mentiras, uma atrás da outra, no mesmo intervalo de cinco minutos, ninguém mais cairia nelas. Não adiantou muita coisa e segui fingindo surpresa atrás de surpresa até o ponto em que só me restou dizer "ah, não, filhote, dá um tempo e depois você me engana de novo". Mas antes desse momento balde de água fria, curti a tentativa da Amanda, a pequena de três anos. Para imitá-lo, ela também tentou me surpreender (e foi logo depois de o Arthur me pegar de verdade), mas errou na dose. Ele conseguiu assim:

Arthur: - Mãe, seu colar tá tooodo enrolado.

(Levo a mão ao pescoço)

Arthur: - Primeiro de abrIL!

Fiz cara de pata, porque acreditei mesmo. Então ela:

Amanda: - Mãe, sua cabeça caiu!

8 comentários:

Liliane Gusmao disse...

Ai Rita,
Amanda S2, rialto, rilitros!
Que fofa! E a sua cabeça tá bem, depois da queda?
milbeijos

Amanda disse...

Ahahahaha! Se fosse comigo, caia.

Borboletas nos Olhos disse...

A Amanda deve ter parentesco com a Rainha de Copas, ah deve...

"As cabeças já foram cortadas?", berrou a Rainha.
"Suas cabeças se foram, para servi-la, Majestade!"", os soldados gritaram em resposta.

Se ela não tem ainda o livro da Alice, é meu presente de próximo aniversário \o/

Marina Teotônio disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
Amei!!!!

Angela disse...

Coisa linda.

Rita disse...

Oi, gente.

Vcs viram, né. Só me resta rir, fazer o quê. Liliane, tá tudo bem, obrigada. :-D

Bjs
Rita

Nilma disse...

kkkkkkkkkkkkkkkk..
amei.
bjsssss

Rita disse...

Nilma, :-D
A sua não caiu, não?
Bj,
Rita

 
©A Estrada Anil - Todos os direitos reservados. Layout por { float: left; }