A festa


Vou por aí. Vou sair com ele, encontrar amigos que não vemos há tanto tempo que nem imaginamos os cabelos. Curtir como quem merece. Parabenizar os donos da festa, abraçar um monte. Vou até usar aquele vestido pra ver se me sinto leve. Se, por acaso, eu me distrair e alguém perceber, “o que foi, Rita?”, sempre posso responder “nada, é só a música”. E sair dançando.

Vamos por aí celebrar tudo que há para ser celebrado, com terno e salto alto, cobertos de normalidade, mas com os corações cheios de subversão. Ou não é uma subversão ir à festa enquanto o coração insiste em bater curvado?


***

Update: daí que antes de ir dormir, fiz as compras da semana pela internet (feijão, biscoito, vocês sabem); e enquanto eu digitava "cebola", vi que tinha chegado uma nova mensagem em minha caixa de entrada. Segui com as compras e depois fui ver o que era. Era a Ângela, pra me avisar que hoje a lua está maior*. É a maior lua nos últimos 20 anos. E eu fiquei aqui rindo, porque no início da noite eu tinha mostrado a lua às crianças, linda, brincando de se esconder por trás das nuvens apressadas. As crianças brincaram de uivar dentro do carro e quando chegamos ao pequeno morro que nos traz para casa ela já seguia mais alta, toda prateada, humilhando. E eu falei pro Ulisses: será que se ela fosse cheia todo dia, a gente ainda se deslumbraria? E logo falei: ah, sim, né, o pôr do sol tá aí pra dizer que sim.

As amigas que eu tenho. Mandam e-mail para eu não perder a maior lua. Como não amar, gente?

*Na real, o grande dia é amanhã, mas o deslumbre já começou hoje.

***

A festa? É amanhã.

UPDATE: Fotos da superlua por aí.

13 comentários:

luci - caso me esquecam disse...

entao, uma musiquinha (que eu adoro) pra saudar a lua:

http://letras.terra.com.br/jorge-ben-jor/1195404/

:)

Danielle Martins disse...

Boa festa, boa lua...

disse...

Coincidência, hoje também tenho um festao. Vai ser o 1° casamento marroquino que vou, tô animadona! Vai ser o meu primeiro.

Boa festa!

Borboletas nos Olhos disse...

Outra musiquinha sobre Ela:
http://www.youtube.com/watch?v=3aDCiwdy4XE

E pensando na propaganda da Mastercard (ou é do Visa?): amigas assim não tem preço.

Angela disse...

Fomos ate a peninsula, mas nublou e nao a vimos nascer... A vi ja de volta em casa por volta das 10 da noite, elevando-se entre as arvores. Eu e Pete estavamos esperando reve-la como a vimos ha uns 10 anos atras. Foi por acaso, estavamos na peninsula e ela estava nascendo do tamanho de umas cinco luas das que estamos acostumadas a ver. Deve ter sido o tal efeito da low hanging moon. Estavamos com a filmadora e captamos a imagem, surreal.

Amanha tentaremos novamente, as criancas ja estao acostumadas a correr atras da lua com a mae lunatica.

Espero que tenha tido espetaculo para voces, e que a festa tenha trazido leveza ao seu coracao. Nem que por momentos. Beijao!

Angela disse...

Voltei para comentar que escutei as musiquinhas com direito a repetecos, gostosissimas. Nao conhecia nenhuma???! :O Como a lua nos faz cantar, aqui divido o que entoamos hoje enquanto a esperava. Eh mais sobre o amor do que sobre a lua, mas foi o que rolou. http://www.youtube.com/watch?v=-b8brVSAAQA&playnext=1&list=PLAAB4CE295BD5DCCD

Vivien Morgato : disse...

Sou egoísta, me interesso pelo post sobre a festa.;0)

Borboletas nos Olhos disse...

Ai, Angela, que bom que você escutou e gostou.. Esta música me fez companhia em várias luas de amores cheios e dores minguantes (e vice-versa).

Lílian disse...

Ontem, supermoon. Hoje, o início de uma nova semana. E também do outono. Não vou escrever, vou apenas copiar e colar - mas copio e colo de Fernando Pessoa, o que já é alguma coisa...

"Há um tempo em que é preciso abandonar as roupas usadas, que já têm a forma do nosso corpo, e esquecer os nossos caminhos, que nos levam sempre aos mesmos lugares...É o tempo da travessia: e, se não ousarmos fazê-la, teremos ficado, para sempre, à margem de nós mesmos..."
BJUS!

Lílian disse...

Quem quiser que confie na internet... Pois bem, fui conferir de verdade (também na internet, tenho que admitir) e é de outro Fernando. Então, segue:

ANDRADE, Fernando Teixeira
In: O medo: o maior gigante da alma. s/e, s/d.

MAIS BJUS.

Mari Biddle disse...

A música que a Luci postou não sai da minha cabeça.

Eu fiz uma foto tosca da lua linda. Daí hoje amanheceu chovendo. Tudo lindo.


beijos

Rafa disse...

Que lindo e delicado teu espaço. Gostei. Festejar é preciso, às vezes, apesar de...

Bj

Rita disse...

Luci, obrigada pelo link! Animou o post total. Beijão!

Danielle, obrigada. Não vi a lua, mas a festa foi ótima. :-)

Dé, o casamento que fui foi da filha do melhor amigo do Ulisses. Delícia, viu. Foi muito bom. :-)

Brabuleta, obrigada pelo link. Gente, esse post ficou todo animadinho! E, olha só, eu tenho umas amigas ótimas. Sabe? Sabe? Sabe, né. Bj.

Anginha, não vi nada, menina. Não tinha lua que furasse aquele tanto de nuvens em Sampa. Mas tinha uma noiva tão sorridente que dava gosto de ver. :-) E, olha, eu adoooooooooooro Fly To The Moon. Amo, amo, muito essa música. Obrigada!

Vivien, voilá. :-)

Lilian, não importa o Fernando, adorei as palavras. Obrigada, viu. Beijão.

Mari, quero a foto tosca.

Rafa, bem vindo!! Sim, festejar é bom, né. O "apesar" às vezes é enorme, mas a gente é profi. Abraços.

Valeu, pessoas lunáticas. o/

Beijão
Rita

 
©A Estrada Anil - Todos os direitos reservados. Layout por { float: left; }