Café da tarde



Contra mau humor, cozinha. Com toda paciência do mundo, minha família tem me aguentado desde ontem, então o mínimo que eu podia fazer por eles era arregaçar as mangas e preparar uma ou duas guloseimas.

Os muffins da Ana são sempre uma boa pedida e nos de hoje acrescentei amêndoas. Foram feitos a seis mãos, com a ajuda impagável dos meus dois filhotes. O Arthur, de avental e tudo, untou as forminhas e colocou os ingredientes já medidos na vasilha. E a Amadinha também colocou alguns ingredientes, derramou a farinha e brincou com o pincel de untar. :-)



O bolo da vez foi o Madeira Cake, do mesmo livrinho bom do bolo de coco que Odisseus adora, The Essential Baking Cookbook. Como o Madeira Cake leva limão na receita, achei que combinava com meu humor. :-/ É uma injustiça falar isso, porque, na verdade, o bolo é uma doçura de tão bom. Experimentem, é fácil e muito gostoso - um irresistível aroma de limão invadiu a casa quando abri o forno e, depois de servido, metade do bolo sumiu em segundos. Até sorri. - Dica: cuidado com as unhas no ralador. É, pois é. Deve ter sido para melhorar meu humor, quebrar quase no meio a unha do polegar. Mas não se preocupem, consegui evitar que o bolo recebesse esse tempero inusitado. Então aí está, Madeira Cake, sem unha:



Ingredientes:

185 g de manteiga sem sal
185 g de açúcar
3 ovos, levemente batidos
2 colheres (chá) de raspas da casca de limão ou de uma laranja (usei raspas da casca de um limão siciliano - use o lado mais fininho do ralador)
155 g de farinha de trigo com fermento
125 g de farinha de trigo normal, sem fermento (como estava sem farinha com fermento em casa, usei 280 g de farinha sem fermento e adicionei uma colher de sopa de fermento em pó)
2 colheres (sopa) de leite

Pré-aqueça o forno a 160ºC. Unte uma assadeira de pão (20cm x 10cm x 7cm) e forre base e laterais com papel manteiga (usei uma forma um pouco menor, 20 x 7 x 7, e serviu perfeitamente). Na batedeira, bata a manteiga e o açúcar até formar um creme leve e fofo. Adicione os ovos gradualmente, batendo bem após cada adição. Acrescente as raspas de limão ou laranja e bata até misturar bem. Desligue a batedeira e com uma colher de metal ou espátula de plástico acrescente a farinha (o fermento) e o leite. Misture até obter uma massa fofa. Transfira para a assadeira e alise a superfície. Asse por 50 minutos. Retire do forno e deixe esfriar na forma por 10 minutos. Desenforme sobre uma gradinha para esfriar completamente e retire o papel manteiga. Delicie-se. (O "até esfriar completamente" não funciona muito bem em ambientes com esfomeados. Comemos o bolo ainda morninho e oh, my God!)

3 comentários:

Caso me esqueçam disse...

acordei mais cedo sh pra ver se me atualizo com minhas leituras bloguisticas hihihihi

me diz, por que nao consigo acessar teu twitter? qual o link certo?

e, sim, falou e falou do trabalho, mas tu faz o que exatamente? conta aih :)

Rita disse...

Oi, Luci.

Parece que há mesmo um problema com o widget do twitter aí do lado, ne? Vou ver se consigo resolver. Lá eu sou @Rita_Paschoalin, tá? A gente se acha por lá.

Beijão!
Rita

Patricia Scarpin disse...

Que bolo mais macio, gente! Estou babando aqui de tanta vontade.
Eu amo bolo quente, Rita, se deixar como metade assim mesmo, saindo fumacinha.

 
©A Estrada Anil - Todos os direitos reservados. Layout por { float: left; }