Mais velha, mais experiente, mais feliz: eu quero é festa




Ufa, passou o final de semana. Tanta festa não me deixou com tempo nem para blogar. Depois do cinza que invadiu nossa sexta-feira, foi hora de cumprir o ritual dessa época do ano para quem tem filhos pequenos em escola: é hora das festas juninas. E lá fomos nós no sábado levar o Arthur para a apresentação de sua turma, à qual ele compareceu vestido de jeca, claro, seguiu todos os passos, reverenciou sua parceira de dança, deu mil tchaus para o trio que assistia a tudo babando (eu, o pai e a irmã, lógico) e saiu reclamando do chapéu de palha e perguntando a que horas seria a outra festa.

É, tínhamos outra festa no mesmo dia, também junina, na casa de amigos. E lá fomos nós no final da tarde, agora todos vestidos devidamente. Imaginem. Pois é, uma lindeza sem tamanho. Não, não tem fotos, não insistam.

Para mim que venho lá das bandas onde o forró dá as cartas boa parte do ano, as músicas juninas trazem um misto de melancolia e alívio. É que gosto do bom forrozinho pé de serra, dançado arrastadinho enquanto o cheirinho da boa comilança invade o ar. Mas, honestamente, ouvir forró boa parte do ano, onde quer que você esteja, não me agrada muito. Então curto, sim, relembro outras épocas, mas dura pouco e logo quero outros ares. Por isso a festa de ontem à noite foi perfeita: lá pelas tantas, após a quadrilha mais desorganizada que já se dançou no mundo, eis que as luzes se apagam, acende-se a luz estroboscópica e a segunda edição do revival 70/80/90 encheu o ar. Foi meio esquisito dançar Beat it, do Michael Jackson, vestida de matuta da roça, mas ninguém tava olhando.

Depois de uma noite de sono, veio o domingo de Copa. No início da tarde os amigos começaram a chegar, cada um escolheu seu lugarzinho na sala, as crianças ganharam outra sala só para elas e pronto. Todos a postos para ver aquilo que todo mundo viu, gritar, brindar, berrar, essas coisas. Saboreamos um bom espetinho preparado pelo Ulisses, que jura de pé junto ser uma iguaria típica lá na Costa do Marfim - assim como os brigadeiros que encomendamos e que, segundo minha mãe disse ter visto na TV, também são comuns do lado de lá. Se são, se não são, a gente nem liga. Comemos felizes.

Ainda sobrou espaço nas barrigas para um pedaço de torta de bombom de morango porque, né, amanhã seria outro dia de festa aqui em casa, mas aniversário na segunda-feira é uma coisa assim meio aguada. Então já aproveitamos o embalo e demos a data por comemorada. Adorei os mimos que ganhei (serei a mulher mais cheirosa do pedaço), em especial os que ganhei de meus filhotes e da minha outra metade: livrinhos do Saramago, a coisa mais doce que eu poderia ganhar hoje.


Obrigada, meus amores. Obrigada a todos pelo carinho, a quem já me ligou de looonge me passando uma energia pra lá de boa. Olha, mesmo, até parece que o aniversário já foi hoje. Então que venha o dia 21, vai ser só lucro. :-D

14 comentários:

Borboletas nos Olhos disse...

Bom, feliz dias, de aniversário ou de comemoração...E que delícia fazer da vida uma festa. Por fim, eu adoro forrozinho pé-de-serra e quadrilha e esta, quanto mais desorganizada , melhor...

Angela disse...

Eba ja teve festa? Boa ideia. Que tenhas mais um ano de paz, que os anos continuem trazendo tudo de bom e se tiver um pouquinho de ruim que seja so parte do eterno processo de aprendizado. E que o bolo e brigadeiros (hhhmmm) tenham sido muito gostosos. Aqui, celebraremos a sua chegada ao mundo com o dia mais longo do ano! Vai ser sol que nao acaba mais :) Um grande beijo de todos nos aqui!

Patricia Scarpin disse...

Feliz aniversário, querida! Muita saúde e felicidade pra você!
xx

Iara disse...

Rita,

Parabéns! Que os prazeres sejam muitos, e os dissabores apareçam só pra te lembrar que você é forte o suficiente pra resolver seus problemas.

Beijo!

;-)

Sinara disse...

Rita,

Acabei de postar um comentário que parece ter sumido... :-(
Estou aqui, lendo os posts deliciosos de junho... Paro pra desejar, mais uma vez, uma vida feliz e cheia de alegrias... Que haja paz, sossego e o companheirismo da família e dos amigos pra ajudar em momentos de desafio...
Grande abraço pra ti, minha amiga-irmã... Saudades... :-)

Anônimo disse...

Parabéns! Muitos anos de vida!!! Sinta-se abraçada!!! Lembre-se existe somente uma idade para ser feliz. A idade que temos!

Marcia disse...

Querida amiga,

Hoje abri a minha agenda e la estava o seu nome: "NIVER DA RITA" de caneta, bem no alto da pagina.
Como estou distante e nao posso te dar um abraco apertado, mando meu carinho "online" e meus parabens a voce, que e minha amiga do coracao.

Beijo,
Marcia

Luciane Curitiba disse...

Parabéns pra vocêêêê!!! Muitas coisas boas, energias positivas, bons pensamentos e o carinho de quem vc ama, SEMPRE!! Beijão no coração!!

Mila disse...

Rita querida!!
Parabens!! Queria te mandar um monte de croissants do Pret pra voce de presente!Te desejamos muitas felicidades no dia de hoje, junto com sua linda familia.
bjos saudosos,
Mila, Colin, Enzo e Maya

larissa disse...

Parabéns Ritalice! Que a felicidade continue morando na sua casa!
Ah, mainha disse que encontrou guardado aqui em casa o convite do seu aniversário de 15 anos!! Relíquia, ne?
bjos!
Larissa e Verônica.

Isa disse...

Ritaliceeeee, parabéns querida.
Grande beijo. Sou sua fã.
Isabela

Rita disse...

Ah, que delícia! Vocês não sabem como vocês colocaram a cereja do bolo hoje! Adorei todos os e-mails, mensagens no facebook, recadinhos no twitter, telefonemas, sinais de fumaça e telegramas (hahaha, é mais fácil receber um sinal de fumaça do que um telegrama!). E amei cada um dos comentários, vocês são uns doces, muuuuuuuuuuuito obrigada do fundo do coração!

Borboleta, você teria adorado a quadrilha, então. Ninguém tinha a menor ideia do que tava fazendo, mas todo mundo fez superbem. :-) Thanks, dear.

Anginha! Obrigada, querida. Quando será que vamos passar um aniversário, de quem quer que seja, juntas novamente, hein? Saudades... thanks!

Patricia, a mulher do blog mais delicioso desse país, obrigada, queridoca! Beijo procê!

Iara, querida, obrigada mesmo! Deixa que os dissabores eu mato no peito-braço, igual ao Luis Fabiano! Beijão!

Si! Obrigada, viu? Passei o dia com o seu lindo presentinho pendurado no meu pescoço. A-do-rei. Beijo!

Anônimo, sinto-me abraçada, sim, mas... por quem? Bom, seja lá quem for! Thanks!!

Marcia, sua docinha! Obrigada, linda. Obrigada mesmo. Seu carinho é um presente pra mim, viu? Beijo!

Luciane, muito obrigada, querida! Adoro ver você por aqui e fico só esperando seu blog chegar... beijão!

Milaaaaaaa, que saudade! Obrigadão e dê um beijo nessa sua turma maravilhosa! Olha, estamos torcendo pela Inglaterra, mas... não tá fácil, amiga! Vamos pra frente! Beijoca!

Larissa e Verônica: convite de 15 anos! Ah, não faz tanto tempo assim, vai.. uns... cinco? Hahaha, que nada! Muito mais que isso, e tá tudo certo. Que venham os cabelos brancos! Se eu não gostar, tinta neles! Beijão!

Isabela Juliana! Hehehe, brincadeira, é só Isabela mesmo... obrigada, amiga. Adorei ter você por perto na bagunça de ontem. Um grande beijo!

Ai, pessoas, vocês são tudo de bom. Beijo grande e fiquem em paz! Saúde pra todo mundo!

Beijão cheio de gratidão,
Rita

Anônimo disse...

Oi, cunhadaaaaa!!!

Pode me chamar de esquecida. De atrasada. Só não deixo me chamar de retardada!!!

É que essas duas palavras podem ter o sentido mas, outras vezes, não. A última é mais pejorativa, né...

Então eu assumo que sou atrasada, por mandar os parabéns MUUUUUITOS DIAS DEPOIS, por passar MUUUUUITOS DIAS SEM SEQUER ABRIR MINHA CAIXA DE E-MAIL, por LER PELA PRIMEIRA VEZ HOJE O BLOG desde que cheguei de viagem.

Atrasada, atrasada, atrasada, atrasada! MEA CULPA.


Mas retardada, não. Porque parece coisa de gente 'mental'...rs... E, mesmo que tenha minhas fragilidades emocionais meio que pipocando de vez em quando, retardada eu seria se não valorizasse os meus.

Então, MUITO OBRIGADA pelos dias bacanas, pelos sobrinhos queridos e por deixar meu irmão mais feliz. Meu desejo é que você seja MUITO FELIZ também, debaixo das grandes bênçãos de Deus. Sua vida já é cheia delas. E você pode usá-laS (A VIDA E AS BÊNÇÃOS) para abençoar outras vidas, também.

Grande beijo,

Lílian
(A cunhada ATRASADAAAAA!!!!).

Livia Luzete disse...

Nossa, cheguei atrasada mesmo. FELIZ ANIVERSÁRIO!!!
E voltarei aos pouco, ler todas as postagens que perdi.
E você dança tango daí e eu de cá(Céará) e vamos torcer para os melhores. E vou de Holanda!
Beijo.

 
©A Estrada Anil - Todos os direitos reservados. Layout por { float: left; }