Richmond Park



22 graus, céu azul, mangas curtas.

Fomos, andamos muito mais do que planejamos, perdemos o caminho, achamos o caminho, comemos jacked potatoes no alto do morro, perdemos o caminho de novo, entramos no meio do mato, descemos a ribanceira, passamos calor.  

Tudo valeu a pena.











1,

2,

3.




***

Quando finalmente achamos a saída do parque, fomos para o aeroporto buscar a irmã do Ulisses. Agora somos seis. É bom ter mais gente pra conversar quando a gente se perde, né? Então. Bem vinda, querida. Aproveite!

5 comentários:

Nardele disse...

Aiii que delícia! Babando com seus relatos e suas fotos! Keep it up!

Nakereba disse...

Great pics. I've said it before and I'll say it again: you have all the makings of a good photographer:)

Rita disse...

Oi, Nardele! Tá quase acabando! Na próxima quinta-feira voaremos para casa!

Nakereba, thank you, dear. You're very kind indeed. I'm just pointing and shooting; the beauty is there.
See you soon!

Rita

Nakereba disse...

The beauty may be there, but not everyone will see it. Even to just point and shoot one must know where to look:)

Rita disse...

Nakereba,I have to agree with you. Some people have no idea where to look.

Kisses, see you soon!

 
©A Estrada Anil - Todos os direitos reservados. Layout por { float: left; }