Ainda que distante

 
Cartão de aniversário, da Si para mim, em 2001. Os dizeres? Sempre em voga, Si. Sempre em voga.
 
Primeiro Sinara foi minha professora de inglês. Depois passou a ser minha colega de trabalho. Continuou minha professora, informalmente, claro. Aí virou amiga e também companheira de baladas eventuais. Com o tempo, tornou-se minha confidente, minha conselheira, muitas vezes meu ombro. Coitada da Sinara. Chegou a me hospedar em sua casa em momentos críticos! Subiu ladeira atrás de trio comigo, no maior sacrifício, vocês sabem. Também seguiu comigo os blocos de Olinda, torramos nas praias de Salvador diiiiias sem fim. Não restando mais nada, Sinara virou família, ganhei uma irmã. Mas um dia descobrimos que ainda podíamos fazer outra coisa: viramos sócias! Mas, passado um tempo, cansamos e decidimos ir embora.
 
Viemos juntas para Floripa, assim: tu vais? Vou também! Pronto. Fácil. Arrumamos malas juntas, migramos juntas, embarcamos com otimismo em uma aventura que tinha tudo para dar certo porque tínhamos apoio mútuo. Moramos, rimos e choramos juntas. Sinara estava comigo quando perdi meu pai, quando defendi minha tese, quando meu primeiro filho nasceu. Momentinhos básicos. Foi minha colega de mestrado e doutorado, estudamos, discutimos, fomos a congressos, aprendemos taaanto juntas.
 
Mais de uma década atrás, quando me vi em terras estrangeiras, eram as cartas da Sinara que chegavam pontualmente com todas as novidades de além-mar. Guardo-as até hoje. Até o mesmo livro já "lemos" juntas, ao mesmo tempo (veja o comentário dela nesse post). E no show do U2 em São Paulo, em 2006, vocês viram? Lá estávamos nós duas no meio daquela multidão, cantarolando juntas canções que embalaram nossa amizade durante anos. Ah, Si, o que ainda vamos experimentar nessa vida, hein?
 
Ultimamente moramos em cidades diferentes. Mas essa é toda a distância. Porque continuamos juntas. Quem caminha lado a lado o tanto que a gente já caminhou, não se separa nunca mais.
 
Si, você faz muita falta aqui em Floripa, mas fico muito feliz por suas conquistas de volta ao seu antigo lar, perto de sua família. E sinto muito orgulho do sucesso profissional que você tem alcançado e que sabemos que ainda a levará muito longe. Então não lamento nada de nada. Gostar de alguém também é isso, saber ficar distante. Eu só acho uma pena não poder dar aquele abração de aniversário. Mando os pensamentos, então. Um beijo grande e que seu dia seja cheio de luz.
 
FELIZ ANIVERSÁRIO, BRUXA!! Saudades...
 
Rita, Ulisses, Arthur e Amanda 
 

9 comentários:

Sinara disse...

Rita!!!!!! Que lindo... Você sempre me emocionando via posts... Obrigada...
Sim, já compartilhamos muita coisa nessa vida... Você me fez rir e chorar aqui... Lembrar dos nossos verões em Salvador, na Pituba e Ondina... Dançar axé (SalvaDOR) e frevo (Olinda) juntas (vestidas de "fanta"!!!) rsrsrs
Ver tua barriga crescer (pelo menos uma vez, né, sua 'bicha veia', sem barriga nenhuma!!!!) rsrsrs
Quantas aulas na UFSC, quanta tensão pelos papers a escrever, quanta risada daqueles nomes alemães todos... A gente conseguia rir até dos dramas, né?
Lembra daquela vez que tínhamos que entregar um paper a Maria Lúcia, mas saimos na noite anterior e tomamos muuuuito vinho... Faltamos a aula e não entregamos o paper... Ela perdoou, porque falamos a verdade! rsrsrs
Lembro do nosso apto no Córrego Grande e do 'Baby'... O porteiro 'never there'... rsrsrs
Lembra você estudando francês, eu estudando espanhol, e ainda conseguíamos chegar em casa como se tivéssemos passado DIAS sem se ver, cheias de novidades... Uma falando francês (coitado do francês), a outra espanhol (pobre espanhol)...
Puxa! Se eu for anotar aqui cada memória, vou aguardar o outro aniversário na frente desse computador!!! :-)
Olha, as saudades são imensas... Sim, viramos irmãs... Nada separa o nosso vínculo... Foram os momentos alegres e os de dor que passamos juntas. Você também estava comigo no falecimento do meu pai. Mesmo daí, sei o quanto você sofreu comigo... E, lá no fundo, acho que dia desses vamos ser vizinhas novamente, quem sabe? Afinal, a gente bem sabe que esse mundo da cada volta, hein???
Amo vocês... Beijos!!! Saudades...

Angela disse...

Hoje pela manha peguei os doces de Valentines Day para Max e Julia, e imediatamente lembrei de Si. Que especial fazer aniversario em um dia desse cheio de coracoes. E quao apropriado. Tempo demais que nao a vejo, mas bom saber que qualquer dia desses vou usufruir da energia maravilhosa de quando estamos na sua companhia.
Feliz Aniversario Si!! Saude e sucesso para voce... Saudades.

Rita disse...

Oi, meninas!

Fevereiro tem um povo bom que faz aniversário, né? Né Ângela? ;-)

Beijocas...
Rita

Nardele disse...

Menina, que lindo, viu? Que seria de nós sem nossos amigos queridos? Ihh, deixa pra lá.

Uma coisa, você faz aniversário em 21 de junho? Eu faço dia 23 de junho! Hihihi

Beijo!

Rita disse...

Oi, Nardele.

Pois é, quem tem amigo tem tudo.

Isso, 21 de junho. Somos vizinhas de aniversário, hihi.

bjs!

rita

Livia Luzete disse...

(eu só posso repetir) Que lindo!!!
Feliz daquele que tem uma amigo para chamar de irmão!
E, vc tem Rita, uma irmã!
Beijo e bom feriado. E Si, Feliz Aniversário!!!

Rita disse...

Obrigada, Livia! Bom feriado pra ti também e aproveita que tá acabando...

bjs!

Vivien Morgato : disse...

Uma amizade assim é algo muito raro e precioso, parabéns por saber cultivar.

Rita disse...

Oi, Vivien! Thanks! E que a blogosfera nos traga sempre novos e bons amigos!

bjs!

 
©A Estrada Anil - Todos os direitos reservados. Layout por { float: left; }