Planos

 

Em 2010, céu azul para voos firmes
 
Antes que o ano acabe é melhor eu me apressar e dizer o que espero dele, nem que seja para brincar de reler este post em dezembro.
 
2010 dever ser o ano das viagens para o pessoal aqui de casa. Temos planos para uma curta temporada fora de Florianópolis depois do verão, mas voltarei a falar disso mais tarde quando as coisas estiverem mais definidas ou quando a viagem de fato se confirmar. Com a Amanda livre das fraldas, sinto-me de ticket na mão e pé na estrada. Falta tempo livre e coragem para alguns voos, mas garanto que já estou aquecendo as asas para começar a desenterrar as raízes que finquei desde que o Arthur nasceu. Espero honestamente que certos receios não aniquilem nosso entusiasmo e que em breve eu venha aqui toda feliz contar tudo para vocês. Além disso, pretendo ver minha mãe mais vezes, o que implica ir ao Nordeste de vez em quando, nem que seja por períodos curtíssimos, como fins de semana ou eventuais feriados. Em julho ela fará 70 anos, então copa e eleição são meros coadjuvantes.
 
Mas é verdade: quando o inverno chegar, teremos Copa do Mundo e aí pretendo perder um pouco o bom senso, porque adoro Copa. Não costumo acompanhar outros campeonatos de futebol, não é nem de longe meu esporte favorito, não está nem entre os cinco esportes mais legais do bairro, mas... Copa do Mundo é meio dogmático, sabe? Não adianta, desculpem, choro no Hino Nacional, saio da sala quando o adversário ameaça com um lance de perigo, sofro, sofro e pulo nos ares berrando goooooooooollllllllll, de preferência com a casa cheia de gente igualmente desmiolada e sem o menor senso crítico, todo mundo reclamando do Galvão Bueno e sofrendo junto. Não quero nem saber que é ano de eleição, essa desculpa não me serve mais, em 2002 fui penta e botei Lula-lá. Em junho sou Brasil-sil-sil.
 
Bom, passada a Copa, hexacampeões, é a vez de votar no Lula de novo. Ah, ele não vai concorrer dessa vez. Pena. Então vou com ele onde ele for por milhões de razões que renderiam um milhão de posts, mas teremos tempo para falar sobre isso. Vou preparar o estômago para baboseiras do tipo "aff, a Dilma é terrorista, Deus me livre!" e a cara do Serra todo dia na TV. Mas sou forte.
 
Entre idas e vindas, copa e eleições, quero ler mais, o que implica dizer que devo dormir ainda menos. Quero escrever muito porque preciso, para não me enlinhar demais nas palavras. É que elas vão chegando e me cobrindo e quando dou por mim estou completamente emaranhada.
 
Vou retomar minha terapia urgentemente, seguir com minhas aulas de yoga, nem emagrecer, nem engordar, ganhar mais fios brancos, comprar menos, cozinhar mais, ir aos happy hours com minhas amigas.
 
E vou assistir de camarote o Arthur se firmar de vez com a leitura que já está se apoderando de seu mundinho. Vou ver Amanda se tornar uma falante fluente. Vou babar com cada aprendizado deles - e vou aprender muito também.
 
E vou contar tudo aqui.
 
***
 
"E o futuro é uma astronave
que tentamos pilotar..."
 
 
 

6 comentários:

Kaka disse...

Amo copa também...Amo o Lula...a verade é que amamos o Brasil!

Bau disse...

Rita, que delícia ler seus desejos para 2010! Estou dentro! Beijos!

Rita disse...

Oi, Kaka! ah, eu sou um poço de contradições: falo que a gente é alienado, que ninguém quer saber de nada, que esse tal de futebol enche o saco... ai vem a Copa e eu boto a bandeira no carro. Oh, céus.

Bau! Oi, querida! Vumbora, então, torcer e votar?

Beijocas, meninas!!

Anônimo disse...

Rita, nunca é tarde para desejar felicidade, saúde e paz para você e sua linda família.
Sei q falta de tempo não é desculpa, mas esse início de ano está sendo... minha florzinha está hoje, no seu primiero dia, numa colônia de férias, estou com o coração na mão... depois te conto os detalhes via email...
Ah, adorei sua foto e texto no "Quem Caminha".
Saúde e paz sempre!!
beijos,
Ju

Vivien Morgato : disse...

E eu vou ler tudo!;0)

Rita disse...

Oi, Ju, muito obrigada, viu? Desejo tudo de bom para vocês também, obviamente! E me conta aí essa história de colônia de férias... unbelievable!

Oi, Vivien! Beijinhos, querida, venha sim...

Rita

 
©A Estrada Anil - Todos os direitos reservados. Layout por { float: left; }