Casa em ordem





Hoje, no finalzinho da tarde, durante minha aula de yoga, eu só pensava em uma coisa: quero chegar aos 80 anos fazendo ooommmm. Quero que a prática de yoga me acompanhe por toda a vida, enchendo meu peito com boas inaladas e alongaaaando cada pedacinho de mim. É muito bom voltar à ativa e perceber o quanto o exercício consciente nos coloca de volta no eixo e nos faz olhar com carinho para nosso corpo, a casa onde moramos o tempo inteiro.
 
Equilíbrio, tranquilidade, força, persistência, superação, respeito aos limites, desafios, concentração, atitudes conscientes. Todos esses elementos se cruzam - ou deveriam - em nossas atividades e relações diárias. A yoga trabalha com harmonia cada um deles e se transforma em um pequeno espelho do que pode ser nossa caminhada pelo mundo. É a transdisciplinaridade aplicada aos exercícios físicos! :-)
 
Namasté.
 

4 comentários:

Angela disse...

Mais uma vez, nossa sintonia coincidiu. Esse exato pensamento dos 80 anos me tomou ontem!
O dia hoje foi cheio de Vada. Marido viajando, aprontei os pimpolhos e saimos no meio da ventania, eu rumo ao trabalho. Comecei o dia dirijindo o carro por cima da grama para arrodear uma pobre arvore que perdeu para o vento e bloqueou a minha driveway. O ritmo continuou ate o final da tardinha. Quando finalmente fui a yoga.
A "aula" comecou com "That sounds wonderful...", do "The subject tonight is love" de Rafiz, seguido de Om Nama Shivaya chanting que instantaneamente aquietou a minha mente, meditacao, asanas galore, alternate breathing, mais meditacao, relaxation. Pronto...
Vente o que quiser ventar. Mas aqui dentro esta tudo quietinho!

Rita disse...

Que delícia, Anginha!! O que são alguns milhares de quilômetros quando conseguimos nos manter tão próximas, certo?
Mas que coisa essa ventania por aí.. tadinha da árvore. Bem ali na frente da tua casa? :-/
Bem tomara que tudo mais se mantenha de pé por aí.
Achei vocês no facebook e fiquei horas babando com todas as fotos maravilhosas! Saudades enormes!!!
Bjs!!

Mel disse...

Oi Ritinha! Com isso que acabei de ler de vcs duas aqui, resolvi retomar minhas aulas de yoga... acho que já perdi muito tempo em não ir. As poucas vezes que fui me fizeram um bem enorme. É, sem dúvida alguma, a total conscientização do corpo e da mente. Obrigada!!!

Rita disse...

Obrigada, você, querida, por me honrar com sua visita! Volte sempre, caminhe conosco, a Estrada é sua!
Bjs,
Rita

 
©A Estrada Anil - Todos os direitos reservados. Layout por { float: left; }