O que há em um pudim?

Maybe it’s your simplicity
Maybe it’s the way you smell
It might even be the winter, what the hell...
I don’t care. You’re sweet and you’re mine.

Lembram quando ovos e café eram considerados vilões? Bem que o açúcar podia passar para o lado dos mocinhos também, não é?
______________________________
Agora, qual será o melhor ângulo?


Não...


Pequeno demais...

Talvez assim... ah, quer saber?
Assim, definitivamente assim.

4 comentários:

Anônimo disse...

Rita.
De novo voce acertou em cheio.
O irresistivel pudim e a sobremesa preferida do meu amor.
Quando formos visita-la voce ja sabe o segredo.
:-)

Beijoca,
Marcia

mila disse...

Ave Rita!!
Deu agua na boca, vou ja fazer um tambem! O Colin adoooooora pudim!
bjao, Mila

Angela disse...

YEEESS!!
Pudim de leite!
Flan!
Crema Catalana!
Creme brule!
Adoro todos, em todas as suas variacoes!!!! Muito merecido o bonitinho poeminha de amor :)

Anônimo disse...

Golpe baixo... Faltam 17 minutos para o meio dia e vejo essas fotos...Hummmm que delícia de pudir. Quase tive um treco de fome... vou apelar então para bolacha de água e sal acompanhada de água... é claro!

 
©A Estrada Anil - Todos os direitos reservados. Layout por { float: left; }