Um começo

“Tenho medo de escrever. É tão perigoso. Quem tentou, sabe. Perigo de mexer no que está oculto - e o mundo não está à tona, está oculto em suas raízes submersas em profundidades de mar (...)” – Clarice Lispector

Este blog começa enfrentando alguns medos, então. Pode ser curto, um pequeno atalho. Pode ser longo, com curvas, obstáculos, desvios... É isso, uma estrada. Vamos ver onde vai dar.
Sejam bem vindos. A viagem, faremos juntos.

5 comentários:

Nina disse...

Amiga,
Amei a iniciativa!
Estarei sempre por aqui lendo e pescando idéias para os nossos debates intensos na hora do café - rss.
Beijos
Rejane

larissa disse...

Sou apreciadora e visitante constante de alguns blogs, coisa moderna essa de todo mundo poder escrever e publicar alguma coisa sem burocracia nenhuma, legal isso, ne?

Rita disse...

Também estou virando fã, Larissa. Bom te ver por aqui! Volte sempre.

Livia Luzete disse...

Vim conhecer o começo de tudo...o primeiro passo na estrada.

Rita disse...

Oi, Livia, você por aqui... hehehe Tá quase fazendo um ano, olha só. É engraçado ler o que a gente escreveu tempos atrás... às vezes chega a ser desconfortável... ui. Mas é bom ter registros dos nossos passos, é bom, sim.

Beijinhos... fique à vontade.

Rita

 
©A Estrada Anil - Todos os direitos reservados. Layout por { float: left; }